Santa Filomena em Portugal

Procissão do Corpo de Deus

banner homepage_icon

Lisboa, 20/06/2019   

Na quinta-feira a seguir à Santíssima Trindade, celebra-se a Eucaristia! Neste dia Solene do Corpo de Deus, data oficialmente instituída pelo Papa Urbano IV em 1264, os Católicos expressam a sua Fé adorando e venerando a Santíssima Eucaristia. Corpo e Sangue de Cristo para remissão da Humanidade.
/ Este dia dedicado a Jesus Cristo, é celebrado condignamente em várias cidades portuguesas. Todavia, as fotografias que vos apresentamos são de algumas ruas de Lisboa por onde passou a sumptuosa Procissão do Corpo de Deus, presidida pelo Cardeal Patriarca, D. Manuel Clemente. Milhares de pessoas encheram neste dia 20 de Junho de 2019, as artérias da Baixa de Lisboa, visitadas pela Procissão, testemunhando e vivenciando a sua Fé.
Mas, entre centenas de estandartes representativos da devoção das várias freguesias do Concelho de Lisboa, houve um em particular que suscitou várias exclamações ao longo do percurso: o da Delegação Portuguesa da Arquiconfraria Universal de Santa Filomena!
/ Carregado e ladeado, alternadamente, pelos membros fundadores da Confraternidade de Santa Filomena, sediada na Basílica dos Mártires e tendo como Director Espiritual o Reverendo Cónego Armando Duarte, o estandarte com a imagem de Santa Filomena integrou o grupo das Irmandades das Paróquias do Chiado tendo saído pela 1ª vez em Procissão.
Perante a admiração de muita gente, a nossa Princesa Celestial ia passando vaidosa e terna, orgulhosa e doce, partilhando as flores da calçada portuguesa que, generosamente, perfumavam e coloriam o caminho a trilhar. Quando ouvia uma voz dizendo baixinho em tom de surpresa “Olha, Santa Filomena”, ela sorria subtilmente do alto do seu mastro e sussurrava para Deus “Alguma vez deixei de ser a Tua filha querida?”
Pois é! Tantos devotos que deixaram de o ser por incredulidade, obediência ignorante a uma Instrução eclesiástica ambígua, incompreensível, infundada, aberrante. A grande Taumaturga Filomena ergueu-se novamente para a luz do dia com mais força e altivez mas com o mesmo amor para com a sua família Filomeniana e o mesmo poder de intercessão junto de Deus Pai!
Segura da sua Luz Divina, possa ela iluminar os nossos caminhos e conduzir-nos ao amor de Cristo e Maria!


Queira ver mais fotografias.


Texto de Filomena Garcia, Presidente do Centro de Confraternidade de Portugal da Arquiconfraria Univelsal de Santa Filomena.