Confraternidade de Santa Filomena

Recado do Diretor Espiritual

banner homepage_icon
2019-12-01

DOMINGO I DO ADVENTO – Ano A


Leitura da Epístola do apóstolo São Paulo aos Romanos (Rom 13, 11-14)

Ideia principal: Advento, tempo para nos desinstalarmos: do comodismo, das rotinas, do deixa-andar; a fim de caminharmos, com alegria, decisão e esperança, ao encontro da Salvação.
- Paulo redige a Carta aos Romanos em Corinto, no termo da sua terceira viagem missionária por volta dos anos 57-58. O Apóstolo sente-se impelido a levar o Evangelho ao ocidente. Prepara a sua ida a Espanha e, de caminho, apresenta à comunidade de Roma a sua preocupação maior: o perigo de divisão que ameaça a Igreja. Pede aos cristãos de Roma que estejam vigilantes e preparados, a fim de acolher o Senhor que vem.
- Quando virá Ele? Como? Estas não são as questões importantes… importante mesmo é enraizar em nossos corações a certeza da vinda de Cristo: “Chegou a hora […] a salvação está agora mais perto de nós”. Para Paulo a certeza da vinda é mais importante que a duração da espera. A vida do cristão deve estar orientada, não para o que aconteceu, mas para o que vai acontecer e, de facto, já está a acontecer…
- Na verdade, os estamos a viver os “últimos tempos” que começaram quando Jesus deixou o mundo e encarregou os discípulos de serem testemunhas da salvação diante dos homens, até ao Seu regresso no fim dos tempos. Consequências disso… Passar de uma vida pontuada pelo egoísmo, para uma vida nova, liberta do pecado. Assim, revestidos dessa vida nova, nos devemos apresentar quando o Senhor chegar.


Rezar a Palavra e contemplar o Mistério


Senhor Jesus, porque me tens ajudado, posso dizer que sou uma pessoa com princípios, não apanho bebedeiras, nem ando metido em devassidões, libertinagens e discórdias… Se fosse agora a parusia, estaria preparado? Não. Reconheço que o cansaço e a preguiça, me fazem cair na indiferença, na inércia, na passividade. Peço-te, Senhor, que me ajudes, neste Advento, a acordar deste sono que me tolhe! Amem.


LEITURA I – Rom 13, 11-14


Irmãos:
Vós sabeis em que tempo estamos:
Chegou a hora de nos levantarmos do sono,
porque a salvação está agora mais perto de nós
do que quando abraçámos a fé.
A noite vai adiantada e o dia está próximo.
Abandonemos as obras das trevas
e revistamo-nos das armas da luz.
Andemos dignamente, como em pleno dia,
evitando comezainas e excessos de bebida,
as devassidões e libertinagens, as discórdias e os ciúmes;
não vos preocupeis com a natureza carnal,
para satisfazer os seus apetites,
mas revesti-vos do Senhor Jesus Cristo.

ConegoArmandoDuarte

Cónego Armando Duarte