Confraternidade de Santa Filomena

Recado do Diretor Espiritual

banner

2022-03-13

Domingo II da Quaresma – Ano C


Leitura da Epístola do Apóstolo São Paulo aos Filipenses
(Filip 3,17-4,1)


Ideia principal: A nossa “transfiguração”: é a proposta deste 2º domingo da Quaresma. É preciso renunciar ao que impede a conversão do coração, que se concretiza na entrega, no amor vivido na dimensão da Cruz.
- Paulo diz aos Filipenses que tenham cuidado com “os cães”, os “maus obreiros”, os “falsos circuncidados” (cf. Filip 3,2). Refere-se assim aos pregadores “judaizantes” que relativizam o valor salvífico da Paixão de Cristo, valorizam a prática do rito da circuncisão e dogmatizam as prescrições alimentares; considerando-se únicos perfeitos, com a sua intolerância confundiam os cristãos e punham em causa o essencial da fé.
- “Sede meus imitadores”. Paulo tem consciência plena de ser imitador de Cristo (1 Cor 11,1), por isso, de forma tão contundente, se dirige aos seus irmãos de raça que se tornaram cristãos. Propondo-se como exemplo, não peca por vaidade, nem por presunção, pois recusa pôr a sua confiança em si mesmo ou nas obras que faz; reconhece que precisa de ser salvo, por isso mais não quer que abraçar a Cruz de Cristo.
- Vale a pergunta: como pode o discípulo amar a Cruz de Cristo? Morrendo para as coisas boas da vida? Morrer, quando o que se quer é viver? É verdade… mas há viver e viver! Amar a Cruz é renunciar às opções egoístas e mundanas de uma vida que conduz à morte, para, seguindo Jesus nos caminhos desta peregrinação aqui na terra, alcançar a vida plena que Deus tem preparada para aqueles que O amam.


Rezar a Palavra e contemplar o Mistério


Senhor Jesus, carregando a Cruz abriste-me as portas da salvação! Em cada quaresma, com a Igreja minha Mãe, me renovo na consciência de que estou ainda num processo de gestação que vai amadurecendo na medida em que abraçar a Cruz, e que, para atingir a meta e sair vitorioso, qual atleta em competição, tenho de permanecer firme. Jesus afastai de mim toda a presunção; dai-me os sentimentos de São Paulo! Amem.


LEITURA II – Filip 3,17-4,1


Irmãos:
Sede meus imitadores e ponde os olhos naqueles
que procedem segundo o modelo que tendes em nós.
Porque há muitos,
de quem tenho falado várias vezes e agora falo a chorar,
que procedem como inimigos da cruz de Cristo.
O fim deles é a perdição:
têm por deus o ventre, orgulham-se da sua vergonha
e só apreciam as coisas terrenas.
Mas a nossa pátria está nos Céus,
donde esperamos, como Salvador, o Senhor Jesus Cristo,
que transformará o nosso corpo miserável,
para o tornar semelhante ao seu corpo glorioso,
pelo poder que Ele tem de sujeitar a Si todo o universo.
Portanto, meus amados e queridos irmãos,
minha alegria e minha coroa, permanecei firmes no Senhor.

ConegoArmandoDuarte

Cónego Armando Duarte